NEVO BERSH? SEMPRE




É gente bonita do meu Brasil baronil,
Não tem como fazer de conta
Chegou o fim do ano, 2017 não vai deixar saudades para alguns muitos brasileiros e brasileiras.

Enfim, entretanto e contudo,

Preferimos desejar a vocês:

Coragem – vamos precisar de muita;
Saúde – adoentada que anda, esperamos que se restabeleça e vença mais essa batalha;
Novas descobertas – porque boas ou más, elas têm a missão de nos abrir os olhos e se isso acontecer, poderemos evitar novas tragédias e até construir pequenos pedaços de um futuro próximo,
Sonhe – sabemos que a temporada está suspensa, mas vamos lá, lembra da coragem? É bem aí que ela se encaixa.

2017 foi o ano em que caiu a fixa de que quase todas as mulheres acima dos 30 tem ansiolítico ou um antidepressivo na bolsa, que o príncipe encantado é bem mais desinteressante que o sapo, que ficamos tempo demais na caixinha achando que a batalha já estava ganha ... daí veio os 30 anos da luta anti manicomial descendo a ladeira, o Brasil voltando para o mapa da pobreza a todo vapor, em um desfile cético de organizações brasileiras que defendem o melhor lugar no assento, depois veremos os ideais.
Mas tem também uma reviravolta que só desvirou agora (aos 45’ do segundo tempo), porque ficou muito feio para o Brasil explicar o conceito sobre trabalho escravo. Que o diga o Ministro do Trabalho, que já se foi ... tarde, mas, foi.

Em 2017 Brasília não conseguiu esconder que bem aqui no seu calcanhar, está a 2º maior favela do país – O Sol Nascente, o Rio de Janeiro ainda tenta criar bijuterias de vanguarda para aproveitar os projeteis de armas de fogo... e a mídia das telinhas começou a contar quantos policiais são mortos e deixou de totalizar quantas crianças perecem de bala perdida. E por fim não mais menciona a cor da pele de nenhum dos dois.

Mas a Polícia de São Paulo deixou escapar que o índice de suicídio e doenças psicológicas existe dentro da rede, mas o massacre dos indígenas brasileiros continua, firme e forte, até porque além deles merecerem apanhar, porque não aprendem mesmo e não deixam esse choramingo, o maior pop star do país é nada mais e nada menos o Agronegócio. (queria ver todo mundo comendo soja de manhã, de tarde e de noite e respirando eucalipto nos desertos verdes que se multiplicam ao longo da malha rodoviária brasileira). A imagem que salvou esse ano, foi ver as cisternas nesse sertão brasileiro de meu Deus. De Juazeiro do Norte a Serra Talhada é lindo de se ver.

Ficamos sabendo também que no Reino da Dinamarca a coisa anda boa, mas por aqui, os empregos, empregadores e etc .... jamais será o mesmo, mas teremos eleições em 2018.
E viva o ano novo, depois das férias e logo depois o carnaval ... mais tarde começa o período eleitoral, mesmo que a lama da Samarco ainda esteja impunemente exposta e as mineradoras do Pará continuem largando seus filhos e consumindo mais que solo, roubando a alma dessas crianças.

Por favor, não cometa o erro de dizer que pior do que está não fica .... pode ficar sim e muito pior.

Talvez você já seja formado e seus filhos já cursaram a faculdade. Agradeça. A educação que estará aí em 2018 emagreceu mais de 36 milhões. Esse é o tipo físico que não pode emagrecer e isso pode chegar a falência total dos órgãos. Preocupante mesmo é que como a saúde entrou na UTI e não há mais leitos, teríamos de recorrer aos outros companheiros de luta da seguridade social, mas não será possível, entram o ano tentando evitar uma fratura exposta nas pernas.

Para um país que muda seus slogans de Criança Prioridade Absoluta para Criança Feliz e acha que está abafando, que  estuda cobrar a saúde básica dos miseráveis, que enfrenta uma onda de massacre aos moradores em situação de rua e que ainda acredita piamente que ser classe média é estar sentada(o) ao lado de uma vida segura, que protege o elo mais forte e descobre e fragiliza a cadeia mais fraca...para um país que vangloria de ser esperto e dar um jeitinho, sonhando um dia com o pão e o circo das emissoras de TV, porque se precisarmos de uma opinião e uma transmissão verdadeira, teremos de contar com as emissoras internacionais ou os nossos bravos ninjas.

É por isso que desejar saúde, coragem, o novo e os sonhos é o que de mais verdadeiro podemos fazer. Neste ano, não tivemos muitas postagens e o motivo é simples, não temos como acudir tudo o que precisamos acudir ... sem dinheiro as pessoas fogem, mas nós estamos aqui, firme, tentando construir dentre outras coisas uma Política Nacional de Saúde do Povo Rom (os assim chamados ciganos) e que respeite de fato a escuta qualificada nesse imenso país.

Como diria minha comadre:
ânimo comadre, porque saúde nós temos,
coragem comadre, porque sonhar é possível.

E será numa segunda feira que 2018 irá despertar e romper a cortina da ilusão e estará mais duro e mais presente do que nunca e é por isso que a melhor maneira de entrar em 2018 é dizendo:


QUE A FORÇA ESTEJA COM VOCÊS, PORQUE SEMPRE É POSSÍVEL MELHORAR AS COISAS, BASTA TER CORAGEM E QUEM SABE FAZER UMA REVOLUÇÃO PARA ALÉM DO ZAP?


Não sabemos quem é o autor dessa foto, mas conhecemos essa realidade.

Homeopatas dos Pês Descalços

Postagens mais visitadas deste blog

LYCOPODIUM CLAVATUM

GELSEMIUM - O REMÉDIO DAS GRANDES SENSIBILIDADES

IGNATIA AMARA - A CHAVE DO EQUILÍBRIO